Results for SAÚDE

MORTES POR COVID-19 CHEGAM AO MENOR NÍVEL DESDE MAIO, DIZ FIOCRUZ

 

Foto: Washington Alves/Reuters

O Brasil registrou 461,14 mortes diárias por covid-19, de acordo com a média móvel de sete dias. Segundo os dados da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), esse é o menor patamar de óbitos diários desde 6 de maio, quando ocorreu uma média de 437,57 mortes pela doença.

Os dados divulgados ontem (24) também mostram que houve quedas de 6,5% no número de mortes em relação à média móvel de sete dias registrada uma semana antes (493,43) e de 33,4% na comparação com os óbitos de um mês antes (692,43).

O pico de mortes por covid-19 no país (1.094,14) foi atingido no dia 25 de julho.

Casos

A média móvel de sete dias de novos casos ficou em 22.483,14 ontem (24). Nesse tipo de análise, no entanto, houve alta de 11% em relação aos casos da semana anterior. Na comparação com o mês anterior, foi observada uma queda de 22,1%.

O pico de casos diários (47.514,57) foi registrado em 28 de julho.

Estados

Doze unidades da federação tiveram queda na média de mortes em relação à semana anterior. Entre os maiores recuos estão Rondônia (-47,9%), Ceará (-44,6%) e Distrito Federal (-33,8%). Dez estados tiveram aumento na média de óbitos, com destaque para locais como Pará (95,4%), Amapá (66,3%) e Acre (40,8%).

Os estados com maior média de mortes ontem foram São Paulo (104,86), Rio de Janeiro (65,14) e Minas Gerais (46,71). Santa Catarina manteve o número de mortes entre uma semana e outra. Roraima, Tocantis e Mato Grosso do Sul não tiveram seus dados divulgados.

MORTES POR COVID-19 CHEGAM AO MENOR NÍVEL DESDE MAIO, DIZ FIOCRUZ MORTES POR COVID-19 CHEGAM AO MENOR NÍVEL DESDE MAIO, DIZ FIOCRUZ Reviewed by Canguaretama De Fato on 25.10.20 Rating: 5

Diretor da OMS diz que “nacionalismo de vacina” vai prolongar a pandemia

 Imagem: Denis Balibouse

Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), alertou que interesses nacionais na vacina da covid-19 podem impedir esforços globais e prolongar a pandemia do novo coronavírus.

No discurso de abertura da Conferência Mundial de Saúde, disse: “Deixe-me ser claro: o nacionalismo da vacina vai prolongar a pandemia da covid-19, não encurtá-la. A única maneira de se recuperar mais rapidamente é nos recuperando juntos”.

Ele ressaltou a importância da cooperação internacional no combate à pandemia. “É natural que os países queiram proteger seus cidadãos primeiro. Mas se e quando tivermos uma vacina eficaz, também devemos usá-la de maneira eficaz. E a melhor maneira de fazer isso é vacinar algumas pessoas em todos os países do que todas as pessoas em alguns países.”

Ghebreyesus argumentou que a saúde pública “é mais do que medicina e ciência” e é “maior do que qualquer indivíduo”. “No fim das contas, é uma questão de liderança e de escolhas políticas”.

Ele afirma que a pandemia evidenciou a “negligência” em sistemas de saúde. “A covid-19 está jogando luz às decisões que nós e nossos formuladores de políticas tomamos não apenas hoje, mas também no passado. Muitos dos países mais ricos do mundo, com alguns dos sistemas de saúde mais avançados, foram derrubados por este vírus.”

Ele expressou ainda a preocupação com o ressurgimento da covid-19, principalmente no Hemisfério Norte, em países que reabrem a economia “rapidamente demais”.

 

 

#Fonte: UOL

Diretor da OMS diz que “nacionalismo de vacina” vai prolongar a pandemia Diretor da OMS diz que “nacionalismo de vacina” vai prolongar a pandemia Reviewed by Canguaretama De Fato on 25.10.20 Rating: 5

SOMENTE 10% DA POPULAÇÃO BRASILEIRA FEZ TESTE PARA COVID-19, DIZ IBGE

 Foto: Raquel Portugal/Fiocruz

Ao menos 21,9 milhões de pessoas fizeram algum teste de diagnóstico de Covid-19 até setembro deste ano. Isso equivale a 10,4% da população do país. Os dados são da edição mensal da PNAD COVID19, divulgada nesta sexta-feira (23) pelo IBGE,

Entre o total de pessoas que realizaram algum exame, 4,8 milhões testaram positivo – o equvalente a 22,1%.

O Distrito Federal foi a unidade federativa com maior percentual de testes realizados, com 22.2%. A região é seguida pelos estados do Piauí (17%) e Goiás (16%). Já Pernambuco (6,8%), Acre (6,9%) e Minas Gerais (7,8%) se destacaram negativamente, entre as unidades com menor percentual.

Os dados mostram uma desigualdade considerável entre pessoas com e sem educação. Entre os brasileiros sem instrução ao fundamental incompleto, 5,5% realizaram testes de diagnóstico do vírus, enquanto entre aqueles com ensino superior completo ou pós-graduação, o número salta para 21,5%.

O porcentual também é maior no grupo de indivíduos com maior rendimento domiciliar per capita, chegando a 25,1% para aqueles na faixa de quatro ou mais salários mínimos. No mesmo período destacado, apenas 5,9% que se encontra na faixa de menos de meio salário mínimo fizeram ao menos algum teste.

Em relação às faixas etárias, pessoas com 30 a 59 anos de idade foram as mais testadas, 14,3%, seguidas pelos grupos de 20 a 29 anos (12,1%) e de 60 anos ou mais de idade (9,2%).

 

 

 

#Fonte: CNN Brasil

SOMENTE 10% DA POPULAÇÃO BRASILEIRA FEZ TESTE PARA COVID-19, DIZ IBGE SOMENTE 10% DA POPULAÇÃO BRASILEIRA FEZ TESTE PARA COVID-19, DIZ IBGE Reviewed by Canguaretama De Fato on 24.10.20 Rating: 5

Retomada das Aulas na Rede Estadual do RN Deve Ocorrer em 1º de fevereiro de 2021 de Forma Híbrida

 

Foto/Reprodução

A Secretaria de Educação do Rio Grande do Norte prevê a retomada das aulas em formato híbrido - com atividades presenciais e não presenciais - a partir de 1º fevereiro de 2021.

A data está em uma portaria publicada nesta quinta-feira (22) no Diário Oficial do Estado, que define como deverá ser a conclusão do ano letivo de 2020.

De acordo com a pasta, porém, a volta depende de como estará a situação epidemiológica no estado, no período.

Ainda de acordo com a Secretaria de Educação, a determinação é de que até o próximo dia 18 de dezembro, todas as unidades escolares e todos os professores desenvolvam atividades não presenciais relativas aos períodos de suspensão das atividades.

O objetivo será alcançar pelo menos 75% da carga horária mínima de 800 horas do ano letivo de 2020, independentemente do quantidade de dias letivos indicados no calendário escolar.

A carga horária correspondente aos 25% restantes do ano letivo de 2020 será cumprida no período de 1º de fevereiro a 12 de março de 2021, "com a efetivação do ensino híbrido", associando atividades presenciais e não presenciais.

Ao G1, a pasta confirmou que o início do ano letivo de 2021 é previsto para logo após esse período, na segunda quinzena de março.

O calendário, no entanto, ainda está em fase de conclusão.

Retomada das Aulas na Rede Estadual do RN Deve Ocorrer em 1º de fevereiro de 2021 de Forma Híbrida Retomada das Aulas na Rede Estadual do RN Deve Ocorrer em 1º de fevereiro de 2021 de Forma Híbrida Reviewed by Canguaretama De Fato on 23.10.20 Rating: 5

RN: Prefeitura Libera Reabertura de Teatros, Cinemas, Museus, Casas de shows e Circos em Natal

 

Foto/Reprodução

A Prefeitura de Natal autorizou nesta quarta-feira (21) a reabertura e funcionamento de teatros, cinemas, museus, casas de shows e casas de espetáculos.

A decisão foi publicada em edição extra do Diário Oficial do Município e lembra que a liberação é para ambientes com “público exclusivamente sentado” e reforça que sejam “atendidas as regras de distanciamento mínimo e prevenção estabelecidas no protocolo geral de enfrentamento à Covid-19”.

O funcionamento de circos também foi autorizado.

O Diário Oficial apresenta a lista de medidas que cada segmento deverá cumprir.

O protocolo geral para teatros, casas de shows e casas de espetáculos, frisa, por exemplo, a necessidade de promover a venda de ingressos pela internet; de distanciamento de 1,0m entre assentos e de 1,5m nas filas; o reforço da higienização e sanitização de equipamentos e acessórios; aferição de temperatura na entrada dos estabelecimentos; e uso obrigatório de máscara.

A Prefeitura de Natal diz que a retomada gradual destas atividades foi possível após a aprovação do Comitê Científico de Enfrentamento da Covid-19;

Considerou também que, após o início da chamada fase 3 da reabertura gradual e responsável do comércio e serviços, não houve diminuição na quantidade de leitos de estado crítico e de UTI disponíveis na rede municipal de saúde.

O ato da prefeitura também libera, a partir de 16 de novembro, a realização de eventos institucionais, associativos, científicos, corporativos e empresariais, bem como feiras de negócios, exposições, congressos, palestras, workshops, simpósios e seminários, “desde que atendidas as regras de distanciamento mínimo e prevenção estabelecidas no protocolo geral de enfrentamento à Covid-19 para eventos”.

RN: Prefeitura Libera Reabertura de Teatros, Cinemas, Museus, Casas de shows e Circos em Natal RN: Prefeitura Libera Reabertura de Teatros, Cinemas, Museus, Casas de shows e Circos em Natal Reviewed by Canguaretama De Fato on 22.10.20 Rating: 5

INACREDITÁVEL!! Bolsonaro diz Não Mandar na Anvisa, Mas que Agência NÃO Vai Correr para Liberar Vacina

 Foto: reprodução/YouTube

Em mais um episódio da crise instalada em torno da politização da vacina contra a Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse na noite desta quinta-feira (22) que não manda na Anvisa, mas que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária não vai correr para liberar a imunização.

“A vacina tem que ser certificada pela Anvisa. Eu não mando na Anvisa. Alguns acham que eu mando na Anvisa. A Anvisa, como as agências todas, é independente. A Anvisa não é subordinada a mim, apesar de quem indicar [o diretor-presidente] para a sabatina no Senado sou eu”, disse Bolsonaro em sua live semanal, desta vez ao lado dos ministros Tarcísio de Freitas (Infraestrutura) e Marcos Pontes (Ciência e Tecnologia).

Bolsonaro elogiou o diretor-presidente da Anvisa, o contra-almirante da Marinha Antonio Barra Torres, chamando-o de “pessoa bastante equilibrada”.

“O almirante Barra falou também: ‘em aparecendo uma vacina no mundo, ela vindo para cá, primeiro a Saúde, depois a Anvisa que vai dar a certificação’. Agora, ele não vai correr. Não vai ser em 72 horas que ele vai pegar e autorizar aqui a distribuição no Brasil. Afinal de contas, a responsabilidade é enorme”, afirmou Bolsonaro.

Barra Torres é formado em medicina pela Fundação Técnico-Educacional Souza Marques, no Rio de Janeiro. Fez residência em cirurgia vascular e pós-graduação na área de gestão. Passou 32 anos na carreira militar e chegou ao terceiro posto da hierarquia da Marinha.

O militar é considerado muito próximo ao presidente Jair Bolsonaro. Em março, Barra Torres apareceu sem máscaras ao lado de Bolsonaro em uma manifestação a favor do presidente, contrariando a orientação da equipe de saúde do governo, que pregava distanciamento social.

​O presidente esvaziou na quarta-feira (21) o acordo anunciado na véspera por seu ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, para a compra de 46 milhões de doses da vacina contra a Covid produzida pela chinesa Sinovac e que será produzida pelo Instituto do Butantan, ligado ao governo paulista. João Doria (PSDB-SP) é virtual adversário de Bolsonaro na eleição de 2022.

Na live, Bolsonaro fez críticas indiretas a Doria e voltou a atacar declaração do governador sobre tornar a vacinação compulsória em São Paulo.

“Enquanto eu for presidente da República, não vai ser desta forma. Isso é democracia, é liberdade. Ninguém vai obrigar ninguém a tomar vacina”, disse o presidente.

“O que serviu muito esta pandemia foi para revelar os aprendizes de ditadores. Figuras nanicas, hipócritas, idiotas, boçais, achando que mandam no estado dele. ‘Vai tomar vacina!’. Vai tomar você, pô, a vacina que você bem entender. Coca-Cola, Tubaína, vá tomar o que você bem entender”, afirmou Bolsonaro.

O presidente disse duvidar que a Justiça determine a obrigatoriedade da vacina.

“Vamos supor que seja obrigatório. Daí, o cidadão vai lá e toma a vacina e vem a falecer logo depois. Pode ser pelo próprio vírus, pode ser outra doença agravada pelo fato de ser injetada a vacina. Estes cidadãos, centenas de familiares vão entrar na Justiça”, disse Bolsonaro.

Uma lei de fevereiro deste ano, assinada pelo próprio Bolsonaro, prevê a possibilidade de realização compulsória da imunização contra a Covid-19.

 

 

 

 

#Fonte: FolhaPress

INACREDITÁVEL!! Bolsonaro diz Não Mandar na Anvisa, Mas que Agência NÃO Vai Correr para Liberar Vacina INACREDITÁVEL!! Bolsonaro diz Não Mandar na Anvisa, Mas que Agência NÃO Vai Correr para Liberar Vacina Reviewed by Canguaretama De Fato on 22.10.20 Rating: 5

Nova Cruz e outros Municípios do RN Voltam a Registrar Aumento de casos de Covid-19

Foto/Divulgação

Os gráficos do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS-UFRN) mostram que o Rio Grande do Norte vinha em ritmo de queda nos casos de Covid-19. A partir da segunda semana de setembro, os números não caíram mais. Subiram e entraram em estabilidade.

Em setembro, Natal tinha uma média de 30 novos casos por dia. No dia 15 de outubro, o registro no número de casos foi de 217. Em Parnamirim, fazendo o mesmo comparativo, a quantidade de casos diários em setembro era de 10 a 12. Em outubro, saltou para 46. Em Ipueira, na região Seridó, foram registrados quatro casos de Covid-19 no dia 13 deste mês, depois de a cidade passar 30 dias sem nenhum novo infectado.

O aumento ficou ainda mais perceptível após o último fim de semana. O boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde Pública na segunda-feira (19) mostrou a confirmação de mais de 1 mil casos. Não foram todos confirmados de domingo para segunda; alguns podem ter sido apenas adicionados ao sistema durante o fim de semana, mas, ainda assim, são indicativos de que há alguns dias os casos vêm surgindo com maior intensidade.

Comparando os três últimos meses, no dia 19 de agosto, o município de Governador Dix-Sept Rosado tinha 117 casos; um mês depois, 163; no dia 19 de outubro, 540.

Em números absolutos, Governador Dix-Sept Rosado ficou em terceiro lugar entre os que tiveram maior variação positiva de casos observando os três últimos meses. Ficou atrás apenas de Natal e Parnamirim. Coincidência ou não, Governador foi uma das cidades com registro de aglomeração em carreata política.

"Eu preciso entender, por exemplo, quando aconteceram as aglomerações políticas em cada uma dessas cidades e ver quando surgiu esse pico novo naquela cidade. Como isso é muito heterogêneo dentro do estado, essa análise fica um pouco mais complexa, mas eu posso de antemão inferir que estou tendo essas aglomerações e, de fato, estou tento o crescimento (dos casos)", falou o pesquisador Rodrigo Silva, do LAIS-UFRN.

Outros municípios que cresceram foram Pau dos Ferros, Mossoró, Macaíba, Nísia Floresta, Nova Cruz, São Gonçalo do Amarante e Santa Cruz (veja números abaixo).

Tabela mostra municípios do RN que tiveram aumento de casos de Covid-19 — Foto: Reprodução

Tabela mostra municípios do RN que tiveram aumento de casos de Covid-19 — Foto: Reprodução

Caicó, município que proibiu as aglomerações política, foi o que apresentou maior queda nos números e continua registrando desaceleração na quantidade de novos infectados pela Covid-19. O número de casos registrados entre setembro e outubro é inferior ao registrado entre agosto e setembro. Era de 853 e caiu para 567.

 

 

 

#Fonte: G1-RN

Nova Cruz e outros Municípios do RN Voltam a Registrar Aumento de casos de Covid-19 Nova Cruz e outros Municípios do RN Voltam a Registrar Aumento de casos de Covid-19 Reviewed by Canguaretama De Fato on 21.10.20 Rating: 5

COVID-19: CANGUARETAMA CONTINUA NA ZONA DE PERIGO (Taxa: 4.03)!! Taxa de transmissibilidade no RN para covid segue abaixo de 1 Nesta Terça-feira; 52 Municípios estão na Zona Vermelha

 Foto: Reprodução/LAIS/UFRN

No RN, a Taxa de Transmissibilidade atualmente é de 0,54. Nessa segunda-feira(19) era 0,38. No Estado, 46 municípios se encontram em zona de risco, enquanto outros 52 estão em zona de perigo. Os dados são do Laboratório de Inovação Tecnológica (LAIS) da UFRN no fim da manhã. VALE DESTACAR que essa taxa tem grande variação ao decorrer do dia, e pode ser conferida a situação em tempo real conforme link no fim do post.

A Taxa de Transmissibilidade, ou Taxa Rt para ser mais simples, é um dos indicadores utilizados para medir a evolução de uma doença endêmica. De forma simples, essa taxa indica quantas pessoas podem ser infectadas a partir de uma pessoa já doente.

Para exemplificar suponha o Rt = 2, isso significa dizer que, estatisticamente falando, uma pessoa doente contaminará duas saudáveis. O ideal então é que esta taxa se mantenha o mais próximo possível de zero. A partir do momento que ela se mantém constantemente abaixo do valor 1, significa dizer que a doença está em um estado “controlado”.

Veja situação por municípios clicando AQUI.

COVID-19: CANGUARETAMA CONTINUA NA ZONA DE PERIGO (Taxa: 4.03)!! Taxa de transmissibilidade no RN para covid segue abaixo de 1 Nesta Terça-feira; 52 Municípios estão na Zona Vermelha COVID-19: CANGUARETAMA CONTINUA NA ZONA DE PERIGO (Taxa: 4.03)!! Taxa de transmissibilidade no RN para covid segue abaixo de 1 Nesta Terça-feira; 52 Municípios estão na Zona Vermelha Reviewed by Canguaretama De Fato on 20.10.20 Rating: 5

CANGUARETAMA ZONA DE PERIGO (Taxa: 4,73): Taxa geral de Transmissibilidade no RN para Covid está abaixo de 1 Nesta segunda-feira; por outro lado, 64 Municípios Estão em Zona de Perigo

 Foto: Reprodução/LAIS/UFRN

No RN a Taxa de Transmissibilidade atualmente é de 0,38. No Estado, 35 municípios se encontram em zona de risco, enquanto outros 64 estão em zona de perigo. VALE DESTACAR que essa taxa tem grande variação ao decorrer do dia, e pode ser conferida a situação em tempo real conforme link no fim do post.

A Taxa de Transmissibilidade, ou Taxa Rt para ser mais simples, é um dos indicadores utilizados para medir a evolução de uma doença endêmica. De forma simples, essa taxa indica quantas pessoas podem ser infectadas a partir de uma pessoa já doente.

Para exemplificar suponha o Rt = 2, isso significa dizer que, estatisticamente falando, uma pessoa doente contaminará duas saudáveis. O ideal então é que esta taxa se mantenha o mais próximo possível de zero. A partir do momento que ela se mantém constantemente abaixo do valor 1, significa dizer que a doença está em um estado “controlado”.

Veja situação por municípios clicando AQUI.

CANGUARETAMA ZONA DE PERIGO (Taxa: 4,73): Taxa geral de Transmissibilidade no RN para Covid está abaixo de 1 Nesta segunda-feira; por outro lado, 64 Municípios Estão em Zona de Perigo CANGUARETAMA ZONA DE PERIGO (Taxa: 4,73): Taxa geral de Transmissibilidade no RN para Covid está abaixo de 1 Nesta segunda-feira; por outro lado, 64 Municípios Estão em Zona de Perigo Reviewed by Canguaretama De Fato on 19.10.20 Rating: 5

Pesquisadora da Fiocruz Não Acredita em Vacina Contra Coronavírus em 2020


Vacinas estão sendo testadas por diversos laboratóriosImagem: TATYANA MAKEYEVA


Margareth Dalcolmo, pneumologista pesquisadora da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), não acredita que o Brasil terá alguma vacina contra covid-19 neste ano. Ela explicou que, apesar dos laboratórios estarem evoluindo bem, é preciso ter um controle rigoroso antes da liberação.

"Não acredito que tenhamos nenhuma vacina possível e passível de ser aplicada nas pessoas ainda no correr do ano de 2020. O que está ocorrendo é uma situação nova, com muito empenho de grupos de qualidade Mas nossa grande preocupação é que nenhum órgao regulatório autorize só por conta da pressão", afirmou Margareth em entrevista à Globonews.

Já aconteceram muitas promessas de vacina para este ano. Nos Estados Unidos, por exemplo, o presidente Donald Trump chegou a falar que a vacinação ocorreria em novembro. No Brasil, o governador de São Paulo, João Doria, acredita que será possível aplicar uma vacina em dezembro.

Mas depois que os testes das vacinas acabarem, ainda será necessário cada país fazer o registro. No Brasil será necessário esperar o registro estrangeiro, antes de fazer a liberação aqui. E segundo Margareth, é um processo que precisa ser feito com cuidado.

"Nunca tivemos vacina em um período tão rápido. Temos que ser realistas. Não podem falar que vai distribuir vacina em governo. Nos Estados Unidos, o Donald Trump disse que teria vacina antes das eleições, mas a FDA (órgão regulatório dos EUA) tem um controle de qualidade absurdamente rígido", opinou Margareth.



 

#Fonte: Uol

Pesquisadora da Fiocruz Não Acredita em Vacina Contra Coronavírus em 2020 Pesquisadora da Fiocruz Não Acredita em Vacina Contra Coronavírus em 2020 Reviewed by CanguaretamaDeFato on 19.10.20 Rating: 5

Itália Bate Recorde de Casos Diários de Covid-19 pelo quarto dia seguido

 Foto: Miguel Medina/AFP

A Itália registrou 11.705 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas, segundo o Ministério da Saúde. É a maior contagem diária de diagnósticos desde o início do surto no país.

É também o quarto dia seguido em que o recorde foi batido, já que no sábado foram 10.925 novas infecções, na sexta, 10.010, e, na quinta-feira, 8.804.

Houve também aumento no número de mortes – foram 69, contra 47 anunciadas no sábado, 55 na sexta e 83 na quinta. O número é bem menor que os registrados no auge da pandemia na Itália (março e abril), quando um pico diário de mais de 900 mortes foi alcançado.

A Itália foi o primeiro país da Europa a ser atingido pela Covid-19 e tem o segundo maior número de mortos no continente depois da Grã-Bretanha – 36.543 mortes, de acordo com dados oficiais.

O governo italiano impôs na terça-feira (13) novas restrições a reuniões, restaurantes, esportes e atividades escolares em uma tentativa de diminuir o aumento de infecções. O primeiro-ministro Giuseppe Conte descartou a reintrodução de um bloqueio nacional.

 

 

#Fonte: G1

Itália Bate Recorde de Casos Diários de Covid-19 pelo quarto dia seguido Itália Bate Recorde de Casos Diários de Covid-19 pelo quarto dia seguido Reviewed by Canguaretama De Fato on 18.10.20 Rating: 5

RN TEM ‘DIA D’ DA CAMPANHA DE MULTIVACINAÇÃO E CONTRA A POLIOMIELITE NESTE SÁBADO (17)

Foto: Breno Esaki

Neste sábado (17) acontece o Dia D de mobilização nacional da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e a Campanha Nacional de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação das crianças e adolescentes com até 15 anos de idade. A campanha teve início no último dia 5, e se estenderá até 30 de outubro. Todos os 167 municípios potiguares participam.

A Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS) vai abrir as 63 salas de vacinação do município das 8h às 17h.

O grupo alvo da vacinação contra a poliomielite são as crianças menores de 5 anos de idade. Na multivacinação, o público-alvo são as crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade. Serão ofertadas todas as vacinas do calendário básico de vacinação da criança e do adolescente, visando a diminuir o risco de transmissão de enfermidades imunopreveníveis, assim como reduzir as taxas de abandono do esquema vacinal.

O dia D oferece a oportunidade de vacinação para aquele público que não consegue ir até o posto de vacinação durante a semana.

RN TEM ‘DIA D’ DA CAMPANHA DE MULTIVACINAÇÃO E CONTRA A POLIOMIELITE NESTE SÁBADO (17) RN TEM ‘DIA D’ DA CAMPANHA DE MULTIVACINAÇÃO E CONTRA A POLIOMIELITE NESTE SÁBADO (17) Reviewed by Canguaretama De Fato on 16.10.20 Rating: 5

IMPORTANTE!! Governo do RN Amplia Testagem Sorológica da Covid-19 para a População em Geral

Foto/Reprodução

Nesta quinta-feira (15), a Secretaria de Estado da Saúde Pública divulgou nota técnica em que amplia a testagem sorológica da Covid-19 para toda a população do Rio Grande do Norte.

A partir de agora, as pessoas sintomáticas (após 14 dias do início dos sintomas) e também as que não apresentaram sintomas, podem procurar as unidades municipais de saúde para realizar a coleta.

É importante lembrar que os testes deverão ser realizados apenas em pacientes que não possuam previamente resultado positivo para detecção do vírus SARS-CoV-2 através da técnica RT-PCR.

Os kits para diagnóstico já foram distribuídos aos Laboratórios do estado: Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN), localizado no município de Natal – atenderá aos municípios da região Metropolitana, 1ª e 3ª região de saúde; Laboratório Regional de Caicó (LAREC) – atenderá aos municípios da 4ª e 5ª região de saúde; Laboratório Regional de Mossoró (LAREM) – atenderá aos municípios da 2ª e 8ª região de saúde; e o Laboratório Regional de Pau dos Ferros (LAREPF) – atenderá aos municípios da 6ª região de saúde.

A metodologia utilizada para a detecção de anticorpos é o imunoensaio por quimioluminescência in vitro para a determinação qualitativa de anticorpos de IgM e IgG para o novo Coronavírus, sendo a Imunoglobulina M mais associada a uma exposição recente ao vírus e a Imunoglobulina G a uma exposição mais tardia.

A Sesap lembra que para a testagem de pacientes com sintomas agudos, deve ser priorizada a realização dos testes de RT-PCR, considerado padrão-ouro para diagnóstico, destinado a toda a população sintomática, indicado para ser realizado até o 7º dia de início de sintomas.

IMPORTANTE!! Governo do RN Amplia Testagem Sorológica da Covid-19 para a População em Geral IMPORTANTE!! Governo do RN Amplia Testagem Sorológica da Covid-19 para a População em Geral Reviewed by Canguaretama De Fato on 15.10.20 Rating: 5

COVID 19: Foram 713 óbitos e 28 mil casos nas últimas 24 horas no Brasil

 Foto: iStock

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta quinta-feira (15):

– Registro de 713 óbitos nas últimas 24h, totalizando 152.460 mortes;

– Foram 28.523 novos casos de coronavírus registrados, no total 5.169.386 pessoas já foram infectadas.

– O número total de recuperados do coronavírus é 4.599.446, com o registro de mais 30.633 pacientes curados. Outros 417.480 pacientes estão em acompanhamento.

COVID 19: Foram 713 óbitos e 28 mil casos nas últimas 24 horas no Brasil COVID 19: Foram 713 óbitos e 28 mil casos nas últimas 24 horas no Brasil Reviewed by Canguaretama De Fato on 15.10.20 Rating: 5

Itália endurece regras e aconselha máscara até dentro de casa para conter alta da covid-19

 Pessoas vestem máscara em frente ao Coliseu de Roma, em 13 de outubro. País reforçou medidas de restrição para a Covid-19 — Foto: Guglielmo Mangiapane/Reuters

O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, impôs nesta terça-feira (13) novas restrições a reuniões, restaurantes, esportes e atividades escolares em uma tentativa de desacelerar o crescente aumento nas infecções pelo novo coronavírus.

O decreto do governo da Itália passa a valer a partir de quarta-feira (14) e tem previsão de durar um mês. Ele foi publicado após vários dias de discussões dentro do governo que geraram diferentes versões do texto e produziu especulações de ministros sobre as medidas a serem adotadas.

A decisão proíbe festas em restaurantes, clubes ou a céu aberto. Além disso, há a recomendação para que as pessoas não façam festas em casa ou recebam mais de seis convidados por vez. Casamentos e outras cerimônias não podem ter a presença de mais de 30 pessoas.

O decreto aconselha o uso de máscaras – que já é obrigatório ao ar livre e em prédios públicos – também dentro de casa, quando membros de fora da família estiverem presentes. Restaurantes e bares podem ficar abertos até meia-noite para serviço de mesa.

No entanto, uma medida que visa inibir as grandes aglomerações do lado de fora de bares, apontadas como uma das responsáveis pela alta recente no número de infecções proíbe servir pessoas de pé, dentro ou fora do estabelecimento, depois das 21h.

O número diário de novos casos de coronavírus na Itália dobrou na semana passada, chegando a 5 mil na sexta-feira pela primeira vez desde março e se aproximando de 6 mil no sábado. O número caiu significativamente nos dois últimos dias, mas normalmente sobem na segunda metade da semana.

O número de mortes causadas pela Covid-19 é bem menor do que o pico superior a 900 por dia registrado no final de março, mas os óbitos também têm aumentado nos últimos dias, com 39 sendo registrados na segunda.

Pelo decreto, esportes de contatos praticados por amadores, como futebol, estão proibidos, a não ser que sejam organizados por entidades reconhecidas que tenham concordado com os protocolos para a Covid-19 estabelecidos pelas federações nacionais.

As escolas permanecerão abertas, mas atividades fora da sala de aula serão restritas, com uma proibição de viagens escolares.

 

 

 

#Fonte: G1

Itália endurece regras e aconselha máscara até dentro de casa para conter alta da covid-19 Itália endurece regras e aconselha máscara até dentro de casa para conter alta da covid-19 Reviewed by Canguaretama De Fato on 13.10.20 Rating: 5

Holanda registra 1ª morte por reinfecção de covid-19 no mundo; cientistas assumem que as reinfecções ainda são “exceções”

 Foto: Reprodução / Pixabay

Uma holandesa de 89 anos, um dos 25 casos conhecidos de reinfecção com SARS-CoV-2 no mundo, morreu dos efeitos da segunda vez que adoeceu com covid-19, agravado por uma forma rara de câncer de medula óssea que sofria, tornando-se a primeira morte conhecida por uma reinfecção pelo novo coronavírus.

Conforme explicou a virologista Marion Koopmans na terça-feira (12), a paciente teve que ser internada no hospital na primeira onda de infecções, após desenvolver sintomas como febre alta e tosse forte, mas teve alta após cinco dias e teste negativo em dois PCR a que ela foi submetida após o desaparecimento dos sintomas.

A paciente holandesa também sofria de uma doença conhecida como macroglobulinemia de Waldenström, uma forma rara de câncer de medula óssea, então seu sistema imunológico foi afetado por meses.

Dois meses após a superação do covid-19, a mulher iniciou novas sessões de quimioterapia, mas a paciente começou a ter febre, tosse e uma forte falta de ar apenas dois dias depois, sendo readmitida no hospital.

Ela foi submetida a uma PCR, na qual deu positivo, mas deu negativo em dois testes sorológicos que foram feitos para detectar se ela ainda tinha anticorpos contra o vírus no sangue, após a primeira vez que foi infectada.

Oito dias após a internação, o estado de saúde da paciente piorou drasticamente e ela morreu duas semanas depois.

“Ela provavelmente morreu de coronavírus, mas também estava muito doente”, disse Koopmans, que está participando de um acompanhamento de reinfecções realizado pela Universidade de Oxford, à imprensa local.

O virologista holandês destacou que hoje existem cerca de 25 casos conhecidos de reinfecção em todo o mundo e, na maioria dos casos, desenvolveram-se sintomas menos graves do que durante a primeira infecção.

Holanda registra 1ª morte por reinfecção de covid-19 no mundo; cientistas assumem que as reinfecções ainda são “exceções” Holanda registra 1ª morte por reinfecção de covid-19 no mundo; cientistas assumem que as reinfecções ainda são “exceções” Reviewed by Canguaretama De Fato on 13.10.20 Rating: 5

Covid 19: Taxa de transmissibilidade no RN é de 0,97, Estado tem 66 municípios em zona de perigo com taxa acima de 2


No RN a Taxa de Transmissibilidade atualmente é de 0,97. No Estado, 68 municípios potiguares estão em zona de perigo, com Rt acima de 2. Outras 69 cidades estão classificadas como zona de risco, com Rt entre 1,03 e 2. Outros 26 municípios estão em zona segura, com taxa abaixo de 1.

A Taxa de Transmissibilidade, ou Taxa Rt para ser mais simples, é um dos indicadores utilizados para medir a evolução de uma doença endêmica. De forma simples, essa taxa indica quantas pessoas podem ser infectadas a partir de uma pessoa já doente.

Para exemplificar suponha o Rt = 2, isso significa dizer que, estatisticamente falando, uma pessoa doente contaminará duas saudáveis. O ideal então é que esta taxa se mantenha o mais próximo possível de zero. A partir do momento que ela se mantém constantemente abaixo do valor 1, significa dizer que a doença está em um estado “controlado”.

Os dados são disponibilizados AQUI.

Covid 19: Taxa de transmissibilidade no RN é de 0,97, Estado tem 66 municípios em zona de perigo com taxa acima de 2 Covid 19: Taxa de transmissibilidade no RN é de 0,97, Estado tem 66 municípios em zona de perigo com taxa acima de 2 Reviewed by Canguaretama De Fato on 12.10.20 Rating: 5

11 estados já reabriram escolas públicas estaduais ou têm previsão de retomar aula presencial

 Foto: Getty Images

Quase sete meses após o fechamento das escolas devido à pandemia do novo coronavírus, em março deste ano, 11 redes de ensino públicas estaduais já retomaram as atividades presenciais ou têm uma previsão para a volta às salas de aula ainda em 2020. O levantamento foi realizado pelo UOL junto às secretarias estaduais de educação.

Os dados foram obtidos entre os dias 6 e 9 de outubro. No Amazonas, em Pernambuco e em São Paulo, já houve retorno de pelo menos parte dos alunos para as escolas das redes públicas estaduais. Outros oito estados planejam a retomada para o mês de outubro: Espírito Santo, Minas Gerais, Pará, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Os demais 15 estados e o Distrito Federal continuam sem previsão para a volta das atividades presenciais nas redes estaduais em 2020. O RN é um deles.

Em alguns dos estados, as decisões valem também para as escolas particulares. Em outros, fica a cargo de cada município definir se há condições para a reabertura dos colégios privados.

Particulares

No gráfico abaixo, é possível verificar a situação nas diferentes localidades. Para o levantamento da situação de reabertura das escolas particulares pelos estados do país, o UOL utilizou dados disponibilizados pela Fenep (Federação Nacional de Escolas Particulares).

Em São Paulo, por exemplo, as escolas foram abertas, em princípio, apenas para atividades extracurriculares, de acolhimento e reforço. Nos demais estados, os alunos já voltaram a ter aulas letivas.

Tanto na rede particular como nas redes públicas de todos os estados, o retorno deve acontecer de forma gradual e obedecendo a uma série de critérios sanitários: entre eles, o estabelecimento de turmas menores, mantendo o distanciamento social, e a obrigatoriedade do uso de máscara por alunos, funcionários e professores.

 

 

 

 

#Fonte: UOL

11 estados já reabriram escolas públicas estaduais ou têm previsão de retomar aula presencial 11 estados já reabriram escolas públicas estaduais ou têm previsão de retomar aula presencial Reviewed by Canguaretama De Fato on 12.10.20 Rating: 5

Justiça mantém decreto que suspende aulas presenciais na rede pública do RN

 Crédito da foto: SVM Aulas estão suspensas desde o início da pandemia em março

A 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal negou pedido feito por um advogado de Natal em uma ação popular para que a Justiça suspendesse os efeitos do decreto estadual que determinou a suspensão das aulas presenciais na rede pública de ensino estadual. O autor argumentou que o dispositivo se encontra contaminado por de vício de legalidade por desvio de finalidade. Segundo a decisão, a interferência do Judiciário, neste caso, se revelaria incabível e precipitada.

O advogado ajuizou a ação contra o Estado do Rio Grande do Norte, com o objetivo de invalidar o Decreto Estadual nº 29.989/2020, que determinou a manutenção da suspensão das aulas presenciais na rede pública de ensino estadual, diante da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Alegou que a disposição normativa contida no decreto não leva em consideração os dados técnicos que apontam para o reduzido número de óbitos e o baixo nível de contágio entre crianças em idade escolar, além da própria diminuição da taxa de transmissibilidade da doença no âmbito estadual.

Destacou, ainda, que outras atividades de menor importância já tiveram a sua execução liberada pelo Governo Estadual, enquanto que a realização das aulas presenciais, as quais traduzem um serviço básico de educação, seguem prejudicadas.

Análise

Ao analisar a demanda, o magistrado esclareceu ser preciso considerar que o ato normativo foi editado como meio de combate à propagação do novo coronavírus, figurando, portanto, como uma medida de proteção à saúde, a qual se enquadra na competência comum da União, dos Estados e dos Municípios, na forma do art. 23, inciso II, da Constituição Federal.

Dessa forma, diante da finalidade da edição do ato normativo, o juiz Bruno Montenegro considerou perfeitamente legítima a regulamentação dessa matéria pelo Poder Executivo Estadual. Ele também destacou, inclusive, que o Supremo Tribunal Federal se pronunciou, na apreciação de questão correlata, nesse mesmo sentido. “Sob essa perspectiva, e em conformidade com a posição do Supremo Tribunal Federal acerca da matéria, não vislumbro qualquer pecha que possa atribuir os rótulos de inconstitucionalidade ou de ilegalidade ao decreto hostilizado”, consignou.

Ao ponderar sobre os requisitos para o deferimento da medida, o juiz salientou que não visualizou a plausibilidade do direito invocado para justificar a concessão da medida liminar requerida. Explicou que o autor sustentou que a redução do índice de contágio da doença, atrelada ao baixo número de óbitos entre crianças com idade escolar seriam suficientes para determinar o retorno imediato das aulas presenciais na rede pública de ensino.

Entretanto, destacou que a análise da pretensão autoral não pode ser levada a cabo de maneira dissociada do contexto fático vivenciado pela sociedade civil no presente momento, acometida que está por um quadro grave e preocupante de saúde pública, ocasionado pela disseminação do novo coronavírus.

Pandemia

Lembrou o magistrado que a pandemia Covid-19 adquiriu magnitude global, e o Brasil não fugiu à regra, tendo sido desafiado a enfrentar focos de disseminação da doença em todas as regiões do país. E que, com base nesse cenário, foi decretado inclusive situação de calamidade pública em nível nacional.

Neste sentido, alertou que a referida situação demanda a consulta constante aos traços da cautela e da ponderação, além da adoção de medidas enérgicas por parte do Poder Público, as quais devem ser tomadas de modo coordenado.

Justiça mantém decreto que suspende aulas presenciais na rede pública do RN Justiça mantém decreto que suspende aulas presenciais na rede pública do RN Reviewed by Canguaretama De Fato on 11.10.20 Rating: 5

Média móvel de mortes por Covid-19 no Brasil fica abaixo de 600 pela 1ª vez desde maio

 Foto: Agência Brasil


A média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 590, uma variação de -14% em relação aos dados registrados em 14 dias.

Desde o dia 10 de maio que o país não ficava com a média móvel de óbitos abaixo de 600 mortes por dia em uma semana, de acordo com o levantamento realizado pelo consórcio de veículos de imprensa.

Ainda, desde o dia 14 de setembro, a tendência na média móvel de mortes segue em estabilidade, ou seja, o número não apresentou alta nem queda representativa em comparação com os 14 dias anteriores. Antes disso, o país passou por um período de uma semana seguida com tendência de queda no registro de mortes por Covid.

Situação da média móvel de mortes por Estado:

Subindo (1 estado): PI

Em estabilidade, ou seja, o número de mortes não caiu nem subiu significativamente (10 estados + o DF): RS, MG, RJ, SP, DF, GO, AC, AM, AL, MA e SE

Em queda (15 estados): PR, SC, ES, MS, MT, AP, PA, RO, RR, TO, BA, CE, PB, PE e RN

 

 

#Fonte: G1

Média móvel de mortes por Covid-19 no Brasil fica abaixo de 600 pela 1ª vez desde maio Média móvel de mortes por Covid-19 no Brasil fica abaixo de 600 pela 1ª vez desde maio Reviewed by Canguaretama De Fato on 11.10.20 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.