Results for SAÚDE

RN Registra Taxa de Ocupação de Leitos Críticos para Covid de 93,3%; Seridó atinge 100%

 Foto: (Reprodução/Regula/Sesap)

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 93,6%, registrada no fim da manhã desta sexta-feira (05). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 527.

Até o momento desta publicação são 19 leitos críticos (UTI) disponíveis e 227 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 66 disponíveis e 250 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 92,4% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 93,3% e a Região Seridó tem 100%.

RN Registra Taxa de Ocupação de Leitos Críticos para Covid de 93,3%; Seridó atinge 100% RN Registra Taxa de Ocupação de Leitos Críticos para Covid de 93,3%; Seridó atinge 100% Reviewed by Canguaretama De Fato on 5.3.21 Rating: 5

ATÉ QUANDO!! Bolsonaro Ironiza Pedidos Por Mais Vacinas: 'SÓ SE FOR NA CASA DA TUA MÃE'



Criticado pela demora na vacinação da população contra a covid-19, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ironizou nesta quinta-feira (4) as cobranças por mais imunizantes, argumentando que agora não há vacinas disponíveis no mundo para ninguém. 

Ontem, o Ministério da Saúde anunciou um acordo de compra de 138 milhões de doses das vacinas Pfizer/BioNTech e Janssen, da Johnson & Johnson. Sete meses antes, em agosto, a Pfizer já havia feito uma oferta, mas os entraves impostos pelo governo brasileiro travaram as negociações.

"Tem idiota que a gente vê nas mídias sociais, na imprensa, [dizendo] 'vai comprar vacina'. Só se for na casa da tua mãe. Não tem [vacina] para vender no mundo", disse Bolsonaro durante visita a Uberlândia (MG). Apoiadores que acompanhavam o discurso vibraram e aplaudiram. Ele estava sem máscara facial, equipamento usado para evitar a disseminação do coronavírus.

O presidente ainda prometeu entregar "no mínimo" mais 22 milhões de doses de vacinas à população ainda neste mês, sem especificar como ou quais, e criticou governadores que estavam se movimentado nas últimas semanas para comprar imunizantes por conta própria.

"Eles comprassem, quem ia pagar? Eu", afirmou. "Onde tiver vacina para comprar, nós vamos comprar."

De Uberlândia, Bolsonaro foi a São Simão (GO). Lá, o presidente criticou o isolamento físico e usou um palavrão para rejeitar qualquer tipo de classificação de atividade econômica como não essencial.




#Fonte: Uol



ATÉ QUANDO!! Bolsonaro Ironiza Pedidos Por Mais Vacinas: 'SÓ SE FOR NA CASA DA TUA MÃE' ATÉ QUANDO!! Bolsonaro Ironiza Pedidos Por Mais Vacinas: 'SÓ SE FOR NA CASA DA TUA MÃE' Reviewed by CanguaretamaDeFato on 5.3.21 Rating: 5

RN: Sesap mira aplicação das novas doses da CoronaVac para pessoas com 80 a 84 anos e de 75 a 79 anos nos próximos dias; veja cronograma proposto

O Rio Grande do Norte recebeu, na madrugada da quarta-feira (03), mais 40.800 doses da vacina CoronaVac, produzida pela Sinovac/Butatan. Com o novo lote será possível dar continuidade à Campanha de Vacinação Contra a Covid-19, concluindo 100% da vacinação dos idosos com 80 anos ou mais e dar início a vacinação dos idosos de 75 a 79 anos.

Nesse sentido, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) emitiu uma Nota Técnica atualizando as orientações técnicas relativas à progressão da campanha de vacinação, contendo a distribuição das doses para os municípios e com as recomendações para administração da segunda dose da vacina Sinovac/Butantan referente a 3ª remessa.

De acordo com o documento, nesse momento, deverá ser concluída a vacinação dos idosos 80 a 84 anos e procedida com a progressão da vacinação contra a Covid-19 para o grupo de idosos com 75 a 79 anos. Ressalta-se que, com as doses recebidas somente será possível dar início a vacinação deste grupo, sendo necessário o recebimento de mais doses de vacina para que esse possa ser contemplado em sua totalidade.

Como o quantitativo de doses enviadas pelo Ministério da Saúde ainda é restrito, a Sesap propõe o seguinte cronograma para progressão da campanha: até dia 02/03 – conclusão da vacinação de pessoas acamadas com 75 anos ou mais e pessoas com 90 anos ou mais; de 01 a 05/03 – vacinação de pessoas com 85 a 89 anos; de 08 a 16/03 – pessoas com 80 a 84 anos; e a partir de 16/03 – pessoas com 75 a 79 anos.

É importante destacar que os municípios devem buscar estratégias de ampliação do acesso, seja através da oferta de vacinação em UBS perto das casas ou nos domicílios dos idosos, a fim de evitar aglomerações e propagação da doença. Além disso, só deve passar para a próxima faixa etária do cronograma quando exaurir a vacinação de todos os idosos do território da faixa etária anterior. Caso seja identificado que algum idoso das primeiras faixas ainda não teve acesso à vacinação, ele deve ser priorizado em detrimento da faixa etária que esteja sendo vacinada naquele momento, levando em consideração sempre o risco e a vulnerabilidade das faixas etárias mais idosas e dos acamados ao SARS COV2.

A distribuição da segunda dose Sinovac/Butatan referente à terceira remessa foi realizada ontem (03). Foram enviadas para os municípios potiguares 22.260 doses, correspondentes a entrega da primeira dose que já foi efetivada.

RN: Sesap mira aplicação das novas doses da CoronaVac para pessoas com 80 a 84 anos e de 75 a 79 anos nos próximos dias; veja cronograma proposto RN: Sesap mira aplicação das novas doses da CoronaVac para pessoas com 80 a 84 anos e de 75 a 79 anos nos próximos dias; veja cronograma proposto Reviewed by Canguaretama De Fato on 4.3.21 Rating: 5

DESCONTROLE!! Bolsonaro defende isolamento para grupo de risco, diz que “o povo quer trabalhar”, e emenda: “chega de frescura, de mimimi. Vão ficar chorando até quando? Temos que enfrentar os problemas”

 Foto: Alan Santos/Presidência

Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a atacar as medidas preventivas contra o avanço do novo coronavírus, como o isolamento social. Ele esteve na manhã desta quinta-feira (04/03) em São Simão, no Sudoeste de Goiás, para participar da inauguração de uma ferrovia.

A declaração ocorreu durante inauguração de um trecho da ferrovia Norte-Sul, em São Simão (GO). O presidente elogiou produtores rurais por terem continuado trabalhando durante a pandemia e questionou em seguida “onde vai parar o Brasil se nós pararmos”, em referência a medidas que estão sendo tomadas por governadores e prefeitos em todo o país para diminuir a circulação de pessoas, em uma tentativa de frear o avanço da Covid-19.

— Vocês (produtores rurais) não ficaram em casa, não se acovardaram. Nós temos que enfrentar nossos problemas. Chega de frescura, de mimimi. Vão ficar chorando até quando? Temos que enfrentar os problemas. Respeitar, obviamente, os mais idosos, aqueles que têm doenças, comorbidades. Mas onde vai parar o Brasil se só pararmos? — disse Bolsonaro.

Na quarta-feira, o Brasil bateu, pelo segundo dia consecutivo, o recorde de registros de mortes em 24h. Foram 1.840 óbitos contabilizados pelas secretarias estaduais de saúde. A média móvel dos últimos sete dias também bateu um novo recorde: 1.332. É o quinto dia consecutivo em que isto ocorre.

Nesta quinta, Bolsonaro disse lamentar as mortes, mas afirmou que “tem que ter uma solução”.

— Até quando vão ficar dentro de casa, até quando vai se fechar tudo? Ninguém aguenta mais isso. Lamentamos as mortes, repito, mas tem que ter uma solução. Tudo tem que ter um responsável.

 Depois, negou que privilegie a economia em detrimento da saúde e afirmou que a economia é importante inclusive para compras vacinas:

— Lamento as mortes, repito. Antes que comecem a falar por aí, essa imprensa, que eu estou ignorando mortes e pensando em economia. Por que vocês não ouvem falar de vacina em países da África? Ou em alguns países aqui da América do Sul? Porque não tem dinheiro. Não tem economia, então não tem vacina. Se nós destruirmos nossa economia, podem esquecer um monte de coisa.

‘Apelo’ a governadores e prefeitos

Bolsonaro fez um “apelo” a governadores e prefeitos contra o fechamento de comércio e disse que “o povo quer trabalhar”:

— Eu apelo aqui, já que me foi castrada a autoridade, para (que) governadores e prefeitos repensem a política do fechar tudo. O povo quer trabalhar! Venham para o meio do povo, conversem com o povo! Não fiquem me acusando de fazer aglomeração, aqui tem aglomeração, em todo lugar tem.

Para o presidente, toda atividade que ajuda no sustento das pessoas é essencial:

— A grande maioria tem que trabalhar. Quando se fala essa em “essa atividade é essencial, aquela não”. Atividade essencial é toda aquela necessária para o chefe de família levar o pão para dentro de casa, porra.

 

 

 

#Fonte: O Globo e Estado de Minas

DESCONTROLE!! Bolsonaro defende isolamento para grupo de risco, diz que “o povo quer trabalhar”, e emenda: “chega de frescura, de mimimi. Vão ficar chorando até quando? Temos que enfrentar os problemas” DESCONTROLE!! Bolsonaro defende isolamento para grupo de risco, diz que “o povo quer trabalhar”, e emenda: “chega de frescura, de mimimi. Vão ficar chorando até quando? Temos que enfrentar os problemas” Reviewed by Canguaretama De Fato on 4.3.21 Rating: 5

RN RECEBE DO GOVERNO FEDERAL MAIS 40.800 DOSES DA VACINA CORONAVAC

 

Lote recebido concluirá 100% da vacinação dos idosos com mais de 80 anos e dará início a vacinação da faixa de 75 a 79 anos

O Rio Grande do Norte recebeu do Ministério da Saúde, na madrugada desta quarta-feira (03), 40.800 doses da vacina CoronaVac. As doses recebidas darão sequência ao plano estadual de vacinação e o público-alvo continua sendo os idosos.

Com o novo lote recebido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), será possível concluir 100% da vacinação dos idosos das faixas a partir dos 80 anos ou mais em todo Rio Grande do Norte e dar início a vacinação dos idosos de 75 a 79 anos de idade.

Serão distribuídas pouco mais de 17.700 da CoronaVac para aplicação da primeira dose. A segunda dose ficará resguardada na Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat), em Natal, para garantir a imunização da população e, também, a reserva técnica preconizada pelo Ministério da Saúde.

Além disso, serão resguardadas 2.014 doses da CoronaVac para aplicação nos profissionais de saúde que estão atuando na linha de frente da pandemia e não foram vacinados anteriormente. “Para isso, os municípios deverão enviar uma lista nominal para a Sesap e, a partir dessa lista, serão disponibilizadas as doses para os profissionais de saúde que conseguiram ser imunizados na primeira fase da campanha”, afirmou Kelly Lima.

IDOSOS ACAMADOS

Todos os idosos acamados que receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19 completarão o esquema vacinal, já que as segundas doses serão também enviadas para os municípios ainda hoje. As pessoas acamadas serão vacinadas em seus domicílios, através de estratégias de vacinação realizadas pelos municípios.

RN RECEBE DO GOVERNO FEDERAL MAIS 40.800 DOSES DA VACINA CORONAVAC RN RECEBE DO GOVERNO FEDERAL MAIS 40.800 DOSES DA VACINA CORONAVAC Reviewed by Canguaretama De Fato on 3.3.21 Rating: 5

RN: Natal inicia vacinação dos idosos com mais de 80 anos nesta quarta-feira (3)

 

Foto: Divulgação

A Prefeitura de Natal inicia nesta quarta-feira (03) a vacinação dos idosos com mais de 80 anos. Para ter acesso à vacina, o idoso precisa apresentar comprovante de residência de Natal, cartão de vacinação e documento de identidade com foto.

Os locais da vacinação são os drive-thru do Palácio dos Esportes (Zona Leste), do Via Direta (Zona Sul) e o do Ginásio Nélio Dias (Zona Norte), das 8h às 16h, de segunda à quinta-feira, e às sextas, das 8h às 13h. Nos drives do Via Direta e Ginásio Nélio Dias, também há sala de vacinação para pedestre.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS Natal), a estrutura de vacinação na capital potiguar conta ainda com mais 10 salas em Unidades Básicas de Saúde que funcionam de segunda à sexta-feira, de 8h às 12h30 e de 13h30 às 16h. As unidades se localizam no Distrito Sanitário Norte I: UBS Pajuçara e UBS Nova Natal; Distrito Sanitário Norte II: UBS Panatis e UBS Vale Dourado; Distrito Sanitário Leste: UBS São João e UBS Brasília Teimosa; Distrito Sanitário Oeste: UBS Felipe Camarão II e UBS Nazaré; Distrito Sanitário Sul: UBS Candelária e UBS Rosângela Lima.

Acamados

A Prefeitura iniciou na segunda-feira (01) a segunda dose da vacinação dos idosos acamados. Na primeira etapa, 2.631 pacientes receberam a vacina em domicílio, com estratégia iniciada em 10 de fevereiro, e agora recebem o reforço da Coronavac. Caso algum idoso acamado com cadastro realizado não tenha recebido ainda a primeira dose, a família deve procurar uma Unidade Básica de Saúde comunicando o fato que será agendado um dia para vacinação.

Profissionais de Saúde

Os profissionais de saúde, que por algum motivo, não puderam tomar a segunda dose da Coronavac devem comparecer em um dos pontos de vacinação da Prefeitura do Natal e tomar o imunizante.

RN: Natal inicia vacinação dos idosos com mais de 80 anos nesta quarta-feira (3) RN: Natal inicia vacinação dos idosos com mais de 80 anos nesta quarta-feira (3) Reviewed by CanguaretamaDeFato on 2.3.21 Rating: 5

Planos de saúde devem cobrir novos remédios, exames e cirurgias, determina ANS

 

Foto: Tatiana Fortes/Governo do Ceará (15.jul.2020)

Uma nova resolução normativa da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), publicada hoje (2) no Diário Oficial da União, promoveu uma ampla atualização nos procedimentos e eventos que devem ter cobertura garantida por planos de saúde privados. Novos exames e tratamentos passaram a fazer parte da lista obrigatória de assistência, que deverá ser observada a partir de abril.

Ao todo, foram adicionadas 69 coberturas, sendo 50 relativas a medicamentos e 19 referentes a exames, terapias e cirurgias indicadas no tratamento de enfermidades do coração, intestino, coluna, pulmão e mama, entre outras.

Entre os remédios, passam a integrar a lista obrigatória de assistência 17 imunobiológicos que poderão ser usados para tratar doenças inflamatórias, crônicas e autoimunes, como psoríase, asma e esclerose múltipla.

Outros 19 são antineoplásicos orais indicados no enfrentamento de diversos tipos de câncer. Mulheres com tumor na mama em estágio avançado, por exemplo, poderão contar com a cobertura do Abemaciclibe, Ribociclibe e Palbociclibe.

Outra droga incluída é o Osimertinibe, que tem sido apontado em estudos como responsável por aumentar a sobrevida de pacientes com câncer de pulmão metástico. A lista traz ainda novas opções para tratar leucemias, melanomas, mielomas e tumores de fígado, rim e próstata.

Em relação às cirurgias, terão coberturas novas intervenções para tratar hérnia de disco lombar e deformidade na mandíbula, além de problemas na coluna cervical e no coração.

Os exames e terapias incluídos permitirão diagnósticos e tratamentos de tuberculose, inflamação intestinal, leucemia mielóide, cânceres de pulmão e de mama, entre outras doenças. Consultas com enfermeiro obstetra ou obstetriz também têm agora assistência garantida.

Validade

As mudanças foram aprovadas em reunião na última quarta-feira (24). Elas valem para todos os planos contratados a partir de 1999. Também se aplicam aos que foram contratados antes dessa data que tiverem sido adaptados conforme a lei federal 9.656/1998, conhecida como Lei dos Planos de Saúde.

Segundo nota divulgada pela ANS, a elaboração da nova resolução normativa se deu a partir de um processo transparente e de uma análise robusta, que contou com diversas etapas de discussões técnicas e com ampla participação da sociedade, que enviou 30.658 contribuições durante consulta pública aberta entre outubro e novembro do ano passado.

“Pela primeira vez no processo de revisão do rol foram utilizados, de modo sistematizado, dados de saúde e informações financeiras para a análise crítica das avaliações econômicas e para as estimativas de impacto orçamentário de cada tecnologia”, diz o texto.

A atualização, segundo a ANS, levou em conta critérios variados como os benefícios clínicos comprovados, o alinhamento às políticas nacionais de saúde e a relação entre custo e efetividade. Os procedimentos incorporados foram aqueles em que os ganhos coletivos e os resultados clínicos foram considerados os mais relevantes para o conjunto dos pacientes.

CNN Brasil

Planos de saúde devem cobrir novos remédios, exames e cirurgias, determina ANS Planos de saúde devem cobrir novos remédios, exames e cirurgias, determina ANS Reviewed by CanguaretamaDeFato on 2.3.21 Rating: 5

COVID-19 RN: Fim de Semana em Natal Registra Prisões, Apreensões e Ainda Fechamento de Estabelecimentos

 Foto: Prefeitura do Natal

A Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) divulgou no início da manhã desta segunda-feira (1º) um panorama das fiscalizações realizadas no final de semana na capital para combater aglomerações, cumprir o toque de recolher e fazer valer as determinações legais previstas nos decretos Municipal e Estadual voltados à prevenção da Covid-19.

De acordo com a Guarda Municipal do Natal (GMN), bares abertos descumprindo às regras, uso ilegal de equipamentos de som automotivo, venda irregular de bebidas alcoólicas, aglomerações de pessoas, apreensão de pequena quantidade de entorpecente e até flagrante de motociclistas pilotando embriagados foram contidas pelas equipes de fiscalização compostas pela GMN, Polícia Milita, Corpo de Bombeiros, Semurb, Semsur e STTU.

As fiscalizações se estenderam durante dia e noite de sábado e domingo registrando ocorrências nos bairros da Redinha, com as prisões de motociclistas embriagados, sem CNH e utilizando equipamentos de som na moto. Também foi computado a apreensão de paredão de som no mesmo bairro. Na Cidade da Esperança houve fechamento de um bar com aglomeração de cerca de 150 pessoas, além de se manter aberto fora do horário permitido pelo decreto Municipal. Na área também houve a apreensão de outro paredão de som que estava instalado numa caminhonete.

A ação ainda registrou descumprimento das normas no bairro Felipe Camarão onde uma conveniência foi fechada por se encontrar aberta e comercializando bebida alcoólica fora do horário permitido. Um bar também foi fechado no bairro Guarapes e na revista pessoal realizada pelos guardas municipais e policiais militares foi encontrado uma pequena quantidade de entorpecente com um dos averiguados. Já no Planalto, um churrasquinho montado em área pública também foi fechado e teve o equipamento de som apreendido.

As atividades também se estenderam por toda a orla da capital, onde no domingo (28) teve as vias de acessos e áreas de estacionamento interditados, além de patrulhamento intenso percorrendo o fluxo que vai da praia de Ponta Negra, na zona Sul, até a praia da Redinha, na zona Norte. Essa região também ficou monitorada por câmeras de segurança operadas pelas equipes da GMN, Polícia Militar e Civil, que atuam no Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp).

A secretária da Semdes, Sheila Freitas, ressaltou a importância do trabalho conjunto nesse momento de emergência, parabenizou as equipes de fiscalização e fez um apelo à sociedade para cumprir os decretos de prevenção e combate à Covid-19. “O trabalho de fiscalização integrada continua com toda intensidade e precisamos da contribuição da sociedade entendendo que o momento é de união para vencermos essa etapa o mais rápido possível, para que as coisas possam, aos poucos, voltar à normalidade. Estaremos juntos todos os dias da semana firmes nesse luta que tem a preservação da vida como missão maior”, comentou.

As fiscalizações seguem durante toda a semana e qualquer denúncia pode ser feita no número 190 do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), que será repassada para as guarnições operacionais.

COVID-19 RN: Fim de Semana em Natal Registra Prisões, Apreensões e Ainda Fechamento de Estabelecimentos COVID-19 RN: Fim de Semana em Natal Registra Prisões, Apreensões e Ainda Fechamento de Estabelecimentos Reviewed by Canguaretama De Fato on 1.3.21 Rating: 5

COVID-19: Tablóide Francês Publica Artigo “O milagre da ivermectina” e Faz uma Geral dos Estudos Recentes

 Foto: Reprodução/FranceSoir

Artigo do tablóide francês FranceSoir, publicado nesse domingo(28 de fevereiro), fala do “milagre” da ivermectina, apresentando os estudos mais recentes do medicamento no tratamento da covid-19; Veja íntegra abaixo:

A ivermectina, sem dúvida, entrará para a história no pódio das três drogas mais úteis para a humanidade, junto com a penicilina e a aspirina. Em que etapa? Não o primeiro se olharmos para a quantidade, mas certamente o primeiro no que diz respeito ao fator benefício / risco, com sua ampla gama de indicações e praticamente nunca ter matado ninguém, apesar de 4 bilhões de prescrições em humanos desde o seu nascimento. dois vizinhos não desprovidos de riscos, alergias e choque anafilático para penicilina, hemorrágico para Aspirina.

Desde o seu nascimento no final dos anos 1970, tem se mostrado um potente agente antiparasitário, contra uma ampla gama de nematóides internos e externos (vermes) e artrópodes em animais. Em humanos, é usado contra doenças que devastam e desfiguram as populações pobres nos trópicos, como a oncocercose cega dos rios e a filariose, esses vermes finos que entram e circulam em seu corpo. É usado gratuitamente como o único medicamento em campanhas de eliminação dessas duas doenças em nível global.

A ivermectina tem sido amplamente utilizada na medicina veterinária desde 1981, é conhecida por ser ativa contra 183 espécies de nematóides e 129 espécies de insetos e ácaros, listas que aumentam a cada ano. Também é usado em vários vírus, como o pseudo vírus da raiva suína. Assim, a ivermectina trata lombrigas no estômago ou intestino, vermes nos pulmões, ácaros, piolhos, mosca-dos-chifres, carrapatos (que causam enormes danos em bovinos nas regiões tropicais), para piolhos de peixes na aquicultura (mas proibida devido aos efeitos sobre o resto da fauna aquática).

É autorizado em humanos em mais de 100 países, na França é autorizado para anguilulose gastrointestinal, microfilaremia e sarna. Quase 100 milhões de pessoas são tratadas com este produto em todo o mundo a cada ano, e mais de 4 bilhões de doses foram prescritas em 30 anos. Programas estão sendo estabelecidos em alguns países como Nigéria, Burkina Faso e Gana para tratar toda a população, 0,15 mg / kg uma vez por ano sendo suficiente para curar a oncocercose (30 a 40 milhões de casos / ano), mas também a anguilulose intestinal (35 milhões de casos), sarna (300 milhões), leishmaniose, todas as doenças parasitárias da pele, etc.

A ivermectina é uma das poucas moléculas que ganhou o Prêmio Nobel e é o resultado de uma colaboração público-privada internacional. Sua descoberta se deve a Satoshi Ōmura, especialista em antibióticos do Instituto Kitasato de Tóquio, que o confiou a um laboratório privado americano, Merck Sharp e Dohme (MSD), em 1974, para a avaliação in vitro de sua bioatividade. A MSD estava interessada em sua aplicação em humanos já em 1978, antes de ser comercializada em animais. Os primeiros ensaios de fase 1 começaram em 1980, a fase 2 em 1983, e terminaram em 1987 com a primeira autorização mundial, na França, para oncocercose, tendo em vista os resultados em 1.206 pacientes. Hoje, o mesmo órgão que o autorizou, acredita, assim como o Instituto Nacional de Saúde, que mais de 14 mil casos em diferentes estudos não são suficientes para autorizá-lo no caso do Sars-Cov-2. O Prêmio Nobel de Medicina foi concedido em 2015 aos seus descobridores, Satoshi Ömura no Japão e William Campbel nos Estados Unidos.

Além dessa ação sobre os parasitas, a ivermectina tem ação virucida, testada e adotada inicialmente em uma série de infecções virais em animais, como a pseudo-raiva suína causada por um vírus RNA, como o Sars-COV-2. Em humanos, estudos estão em andamento contra diferentes variedades de flavivírus, como dengue, Zika, Chikungunya e o vírus responsável pela infecção do Nilo Ocidental. Os resultados clínicos do Sars-cov-2 são muito promissores.

Inofensividade

Em geral, na medicina, quanto mais eficaz um tratamento, maior a probabilidade de haver efeitos colaterais em outros órgãos, o que faz sentido. Não é para ivermectina, este medicamento é totalmente inofensivo.

Se olharmos para o Vigibase, o banco de dados da OMS que há 30 anos coleta os efeitos colaterais de cada agência de medicamentos em mais de 130 países (incluindo a França), encontramos 175.208 relatórios para Aspirina, 159.824 para Doliprano e 4.614 para Ivermectina. De 4 bilhões de prescrições neste período, isso representa 0,0001% de efeitos colaterais. É difícil atribuir todos esses efeitos apenas à ivermectina, muitos sendo devidos à liberação de resíduos de parasitas mortos e do Covid a medicamentos associados. Desde o início do ano e em 15 de fevereiro, este banco de dados relatou 65.188 notificações para Corminaty (vacina Pfizer), em comparação com 46 para Ivermectina.

Em seu último relatório de 11 de janeiro sobre esses efeitos colaterais no tratamento da Covid, o ANSM relata 0 problemas. Das 15.143 especialidades farmacêuticas reembolsadas na França, certamente é a molécula, ou uma das moléculas que apresenta o menor risco. “A ivermectina é segura e pode ser usada em grande escala”, escreve a OMS. Estudos in vitro e arquivos MA mostram que as doses eficazes são baixas em comparação com as doses potencialmente problemáticas, isso foi testado até mesmo em 10 vezes a dose em humanos, sem reação. Um estudo foi feito até em cães com 30 vezes a dose (10mg / kg), sem problemas.

Só para constar, apenas uma publicação no mundo fala sobre mortalidade por ivermectina, The Lancet, de novo dele. Esta publicação de 1997 descreve 15 mortes em 47 residentes de lares de idosos tratados com ivermectina por um surto de escabiose. The Lancet deve ter notado que um tratamento com lindano e permetrina, inseticidas que matam muitos animais, como gatos, havia sido aplicado como cal antes! Demorou outro post para descobrir. A ivermectina levou anos para se recuperar de um único artigo com conclusões erradas.

Se você tomar 10 comprimidos de Doliprane, recomendados pelas autoridades, você pode morrer de necrose hepática. No entanto, você pode tomar 50 comprimidos de ivermectina 3 dias seguidos e continuar suas atividades diárias sem problemas.

Modo de ação

O primeiro trabalho de MSD focou no bloqueio de neurotransmissores que podem perturbar muito as terminações nervosas de invertebrados, mas também de mamíferos e, portanto, drogas potencialmente perigosas. Posteriormente perceberam que era um erro, e que a ação se dava por meio dos canais de cloreto dependente de glutamato (GluCl), o que abriu perspectivas, pois esses canais, fundamentais em vermes e insetos, estão ausentes em mamíferos, daí a segurança da ivermectina.

A ivermectina causa paralisia e morte em invertebrados pela ativação desses canais nas células nervosas ou musculares. A membrana celular torna-se assim mais permeável aos íons cloreto, causando hiperpolarização da célula nervosa ou muscular, o que leva à paralisia do parasita. Curare de parasitas.

Para os vírus, que não possuem sistema nervoso, o modo de ação é totalmente diferente e vários modos foram descritos. A principal, aceita por todos, é uma ação sobre as proteínas que transportam e penetram o vírus no núcleo, que ele bloqueia, para que o vírus não se reproduza mais. É um inibidor específico do transporte nuclear dependente das importinas α e β, servindo para esse transporte no núcleo.

Para alguns, a ivermectina tem outros benefícios. Esta apresentação do Dr. Paul Marik fornece uma visão geral do estado de conhecimento e hipóteses sobre os modos de ação da Ivermectina. Resumindo, de acordo com Caly L e Druce J, ele se ligaria à proteína Spike. Um estudo de Lehrer S in vivo parece mostrar uma sinergia com macrolídeos para bloquear a entrada do vírus por ação sobre certas proteínas (CL3, RdPd, o nucleocapsídeo e outras), Lenin A e Alvarado Y tendo demonstrado a ligação a CL3. Outras sinergias com macrolídeos também foram observadas no tratamento do lúpus. DiNicolantonio J e McCarty M observam efeitos antiinflamatórios e imunossupressores, e Zhang X e Xinxin Ci mostraram sua ação sobre citocinas inflamatórias, com diminuição significativa na produção de interleucina 1 (proteína utilizada pelo sistema imunológico e leucócitos). Tudo isso explica porque a ivermectina parece ser o único produto ativo em todas as fases da doença, precoce e tardia. Também encontramos um artigo mais recente, no qual a ivermectina inibia a helicase permitindo que o RNA se desenrolasse, impedindo sua replicação.

Contra vermes, insetos e vírus, a ivermectina parece um verdadeiro canivete suíço, com tantas armas diferentes que possui. No entanto, ele nunca foi encontrado para agir sobre as bactérias. Que pena, porque não parece desencadear resistência. Talvez deva ser experimentado em combinação contra germes multirresistentes, visto que suas possibilidades são extensas?

Profilaxia

A ivermectina tem profilaxia notável contra Sars-Cov-2. A baixa taxa de Covid na África, quando no início da epidemia a OMS previa um massacre, talvez não seja alheia ao seu amplo uso (sem falar em todos os tratamentos para malária com Hidroxicloroquina). No International Journal of Antimicrobial Agents, Martin Hellwig et al de Plymouth (EUA), após uma revisão da literatura, descobriram que “os países onde a quimioprofilaxia com ivermectina é administrada em massa têm uma epidemia significativamente menor. “No entanto, se uma ingestão anual é suficiente para muitos parasitas, este não é o caso dos vírus, daí o interesse do trabalho contínuo da empresa Medincell em Montpellier para desenvolver uma forma de ação prolongada.

Atualmente, existem no mundo, apenas no que se refere à profilaxia, 11 estudos sobre o assunto (3ECR), envolvendo mais de 7.000 pacientes, com eficácia média de 89%. Dois exemplos, com 100% de eficiência:

Um estudo na Argentina se concentrou em cerca de 1.200 cuidadores em contato com pacientes Covid, em 4 locais, por 2,5 meses. 788 receberam ivermectina, 407 nada. Resultado: 237 infecções no grupo não tratado, ou 58%, e 0 no grupo tratado. Resultado sem apelo.

Uma segunda publicação, em francês. 121 pessoas de uma casa de repouso (69 residentes, idade média de 90 e 52 funcionários) em Seine et Marne encontraram-se protegidos da Covid, graças ao tratamento de uma epidemia de escabiose no estabelecimento em março de 2020.

Ação terapêutica

Se a ivermectina atue sobre a Covid-19 quando ela ataca, impedindo sua entrada nas células e sua multiplicação, a fortiori, seria totalmente ilógico que o que vemos na profilaxia não se reproduz na terapia. Isso é o que a maioria dos estudos mostra, descrevendo uma melhora muito rápida dos distúrbios, 48 ​​horas, na fase inicial. Também não deixa de ter interesse na fase posterior.

Nenhum estudo no mundo mostra que a ivermectina é ineficaz, nenhum. 2 ou 3 não mostram qualquer diferença, esses estudos (como Chachar em Lahor) cada vez se referem a poucos casos e indivíduos jovens, com menos de 40 anos (23 anos para o mais novo). Como você mostra que um tratamento funciona melhor para uma doença que cura por conta própria nessa idade?

Se é difícil analisar esses estudos, todos diferentes, todos com possíveis imperfeições, é melhor juntá-los, que é o que a OMS está fazendo para avaliar a ivermectina. Existem vários sites que o fazem, e existem estudos de vários médicos, como Drs Marik e Kory nos Estados Unidos e Hill e Lawrie na Inglaterra.

O site c19ivermectin.com lista 41 estudos (incluindo 20 randomizados) feitos por 304 autores em 14.833 pacientes, com resultados de 89% na profilaxia, 83% na fase inicial, mortalidade geral diminuindo em 78%.

Em março de 2020, o professor Paul Marik criou um grupo de especialistas, junto com o Dr. Kory, a Front Line COVID-19 Critical Care Alliance (FLCCC), para reunir e analisar todos os estudos para desenvolver um protocolo de tratamento para COVID-19. Eles descobriram a ivermectina no final do dia. Seu trabalho inclui todos os modos de ação da ivermectina e os resultados de todos os ensaios disponíveis em profilaxia e terapia. Eles detalham cada um dos estudos, sem realizar uma meta-análise, e concluem que a ivermectina é eficaz na profilaxia, terapia e Covids longos. Esses resultados em mais de 7.000 pacientes foram apresentados em 6 de janeiro perante o National Institute of Health.

Andrew Hill, a pedido da OMS / Unitaid, revisou 18 ensaios clínicos randomizados menos questionáveis, envolvendo 2.282 pacientes. Ele notou melhora rápida dos distúrbios, redução da hospitalização e redução de 75% na mortalidade.

Há também o trabalho da Dra. Tess Lawrie. Este médico nascido na África do Sul, pesquisador na Grã-Bretanha, diretor de uma empresa independente de consultoria em medicina baseada em evidências (Evidence-Base Medecine Consultancy Ltd), que rastreia publicações boas e ruins. Seu trabalho com a ivermectina é feito de acordo com os mais altos padrões da Cochrane no campo, como costuma fazer para a OMS em suas recomendações para o mundo. Ele usou as 27 análises do FLCCC, para fazer uma meta-análise incluindo ensaios clínicos randomizados (RCTs) e estudos observacionais controlados (EOC), e excluindo 11 estudos incluindo 5 profiláticos. Os resultados apenas dos estudos menos discutíveis, controlados, relidos e publicados, mostram uma diminuição na mortalidade de 83%. Nos estudos de profilaxia, 88% de eficácia. Tudo está resumido em uma excelente entrevista para ver.

Todos esses estudos, em ambos os lados do Atlântico convergem, todos dão os mesmos resultados, resultados confirmados selecionando apenas os estudos que não podem ser enviesados. Como afirma Tess Lawrie, pode-se argumentar de acordo com estudos sobre o declínio percentual da mortalidade, mas a única coisa que não pode ser discutida é a realidade do declínio indiscutível. A OMS e ANSM, assim como outros países (África do Sul, Inglaterra, ..) estão estudando o dossiê da Ivermectina para rever sua posição. A Índia distribui massivamente (120 milhões de doses vendidas) e tem 3-4 vezes menos mortes do que nós, e a cada mês 2 ou 3 mais países permitem seu uso. Veja o mapa mundial.

COVID-19: Tablóide Francês Publica Artigo “O milagre da ivermectina” e Faz uma Geral dos Estudos Recentes COVID-19: Tablóide Francês Publica Artigo “O milagre da ivermectina” e Faz uma Geral dos Estudos Recentes Reviewed by Canguaretama De Fato on 1.3.21 Rating: 5

RN Não Registra Óbitos por Covid nas Últimas 24h

 Créditos: Magnus Nascimento

O Rio Grande do Norte não registrou nenhuma morte por Covid-19 nas últimas 24h. A informação foi divulgada pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap) e faz parte do boletim epidemiológico do coronavírus no RN deste domingo (28).

De acordo com a secretaria, o RN segue com 3.585 óbitos confirmados , aguarda investigação de outras 717 mortes que, atualmente, são suspeitas para a infecção e 730 óbitos já tiveram a hipótese da covid ter sido a causa da morte após serem descartadas na investigação.

Já em relação às confirmações, já foram registrados 166.895 casos do coronavírus no Estado. Mais de 85 mil casos são suspeitos neste momento e 363.838 foram descartados após testagem. 
 
 
 
 
 
#Fonte: Tribuna  do Norte
RN Não Registra Óbitos por Covid nas Últimas 24h RN Não Registra Óbitos por Covid nas Últimas 24h Reviewed by Canguaretama De Fato on 28.2.21 Rating: 5

TOQUE DE RECOLHER TEM INÍCIO NO RN; FORÇAS DE SEGURANÇA ATUAM EM NATAL E NO INTERIOR

 

O Rio Grande do Norte, a partir deste sábado (27), passou a ter toque de recolher das 22h às 5h do dia seguinte. Esse é um dos principais itens do Decreto Nº 30.383 que foi  publicado no Diário Oficial do Estado.

“O descumprimento do decreto poderá ensejar em crime contra a saúde pública e de desobediência. As forças de segurança pública estão atuando em caráter humanitário, para a preservação da vida”, destacou o coronel Araújo.

As forças de segurança reforçaram o efetivo e saíram no início da noite. Os comandantes, em todas as cidades, foram orientados a fazer cumprir os termos do decreto no que diz respeito à proibição da circulação de pessoas nas ruas entre 22h e 05h. Na manhã deste domingo, deve ser divulgado um balanço de ocorrências.

 Neste sábado, os representantes dos ministérios públicos federal, estadual e do trabalho divulgaram documento conjunto recomendando que as prefeituras de todos os municípios potiguares se abstenham de praticar quaisquer atos, inclusive edição de normas, que possam flexibilizar medidas restritivas estabelecidas pelo Governo Estadual.

Dados do Covid no RN

O boletim da Secretaria de Saúde, divulgado no final da manhã deste sábado, registrava 294 novos casos confirmados de Covid-19,  três óbitos em 24 horas e 3.562 desde o início da pandemia. A taxa de ocupação de leitos críticos era de 89,4% no RN. Na Região Metropolitana, 90% estavam ocupados.

Carros da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros deixaram o Centro Administrativo do Estado, por volta das 19h deste sábado (27), com destino ao interior do estado, além de todas as regiões da capital e da Grande Natal.

O decreto N° 30.383 que foi publicado neste sábado (27) trata de medidas necessárias e urgentes de distanciamento social para conter o quadro atual da pandemia que ultrapassa os 85% de ocupação de leitos críticos.

TOQUE DE RECOLHER TEM INÍCIO NO RN; FORÇAS DE SEGURANÇA ATUAM EM NATAL E NO INTERIOR TOQUE DE RECOLHER TEM INÍCIO NO RN; FORÇAS DE SEGURANÇA ATUAM EM NATAL E NO INTERIOR Reviewed by Canguaretama De Fato on 28.2.21 Rating: 5

COVID-19: Governo do RN Decreta Toque de Recolher Em Todo o Estado das 22h às 5h

 O Rio Grande do Norte terá, a partir deste sábado (27), regras mais duras para conter o avanço do coronavírus e suas variantes. No início da noite dessa sexta-feira (26), a governadora Fátima Bezerra anunciou toque de recolher das 22h às 5h em todo o Estado. Além disso,  estão suspensas as aulas presenciais  nas escolas das redes pública e privada do Estado. O Decreto contempla outras restrições e será publicado no Diário Oficial do Estado neste sábado. Terá validade, inicialmente, de 14 dias. P

ara editar as regras, Fátima Bezerra argumentou que o recrudescimento dos casos confirmados e o consequente aumento de internações pela covid-19 desencadeou um processo de colapso na rede de assistência à saúde em Natal e Região Metropolitana, com necessidade de transferências de pacientes para o interior do Estado, onde restam leitos críticos.


Créditos: Magnus NascimentoGovernadora Fátima Bezerra seguiu entendimento de outros governadores e anunciou medidas mais rígidas de contenção da covidGovernadora Fátima Bezerra seguiu entendimento de outros governadores e anunciou medidas mais rígidas de contenção da covid
 
O Rio Grande do Norte terá, a partir deste sábado (27), regras mais duras para conter o avanço do coronavírus e suas variantes. No início da noite dessa sexta-feira (26), a governadora Fátima Bezerra anunciou toque de recolher das 22h às 5h em todo o Estado. Além disso,  estão suspensas as aulas presenciais  nas escolas das redes pública e privada do Estado. O Decreto contempla outras restrições e será publicado no Diário Oficial do Estado neste sábado. Terá validade, inicialmente, de 14 dias. P

ara editar as regras, Fátima Bezerra argumentou que o recrudescimento dos casos confirmados e o consequente aumento de internações pela covid-19 desencadeou um processo de colapso na rede de assistência à saúde em Natal e Região Metropolitana, com necessidade de transferências de pacientes para o interior do Estado, onde restam leitos críticos.

 
“A medida central é toque de recolher das 22h até às 5h do dia seguinte. Significa que a partir deste horário, fica proibida a circulação de pessoas em todo o Rio Grande do Norte. A fiscalização ficará a cargo das forças de segurança, com quem já me reuni nessa tarde (ontem), que vão fazer seu dever e o cumprimento do decreto. Esperamos, sobretudo, o apoio da população. Não podemos, neste momento, ter qualquer sentimento que não seja o coletivo”, disse a governadora ao anunciar as novas medidas de contenção da pandemia. O decreto a ser publicado tem determinações e recomendações, uma vez que, em abril de 2020, uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) deu autonomia aos municípios no combate à pandemia.

Para conter o avanço da covid-19, o Estado determinou a suspensão de inúmeras atividades, tais como: parques públicos, centros de artesanato, circos, parques de diversões, museus, bibliotecas, teatros, cinemas e demais equipamentos culturais. Além de eventos corporativos, técnicos, científicos, esportivos, convenções, shows ou qualquer outra modalidade de evento de massa, inclusive locais privados, como os condomínios edilícios. Estão suspensas, também, as atividades recreativas em clubes sociais e esportivos. O documento faz uma ressalva:  as regras não impedem as atividades relacionadas à administração, manutenção e fiscalização. Fica suspenso, porém, o funcionamento do Centro de Convenções de Natal, como medida de mitigação da propagação da pandemia.

“A parte do comércio, serviços, fica a cargo dos municípios, de forma que nosso decreto tem um prazo de duas semanas e vamos avaliando conforme o quadro da pandemia”, comentou Fátima Bezerra. A governadora disse também que as atividades de ensino na rede pública estadual e na rede privada serão suspensas, com exceção apenas para as séries iniciais e o Fundamental I. Atividades religiosas em massa também serão vedadas no Estado, sendo permitidas apenas orações e atendimentos individuais nos templos religiosos.

Ocupação
De acordo com a Plataforma Regula RN, vinculada à Central de Regulações da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) que monitora em tempo real as internações no Estado, a ocupação dos leitos críticos para a covid era de 84,78%, com 245 leitos ocupados e 38 disponíveis. Na Região Metropolitana, que tinha o índice de ocupação de 89,6% havia pelo menos 30 pacientes com perfil de leito crítico na fila de espera, sendo 22 leitos disponíveis. Nas outras regiões, como o Oeste, a ocupação era de 81,2% e no Seridó, 85,7%. Os dados foram consultados pela TN às 20h30 dessa sexta-feira (26). 
 
 
 
 
 
 
#Fonte: Tribuna do Norte
COVID-19: Governo do RN Decreta Toque de Recolher Em Todo o Estado das 22h às 5h COVID-19: Governo do RN Decreta Toque de Recolher Em Todo o Estado das 22h às 5h Reviewed by Canguaretama De Fato on 27.2.21 Rating: 5

Governo do RN Diz Que Vai Radicalizar e Decretar Mais Restrições à Circulação de Pessoas

Créditos: Magnus NascimentoFátima disse que RN terá novas restrições
 
A governadora Fátima Bezerra anunciou que o Governo do Estado vai anunciar, ainda nesta sexta-feira (26), novas medidas de restrição à circulação de pessoas para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus. Segundo a governadora, disse que a situação no estado requer medidas "radicais" para amenizar os efeitos.

Durante a coletiva de imprensa, Fátima Bezerra anunciou que o Governo do Estado vai restringir os atendimentos externos presenciais em todos os órgãos públicos, incluindo Detran e nas Centrais do Cidadão. A determinação acata recomendação por parte da Secretaria Estadual de Saúde.

Além disso, Fátima Bezerra prestou contas de reunião com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, onde solicitou o encaminhamento de 40 kits para a viabilização de novos leitos de UTI no estado, assim como solicitou também a garantia do custeio desses leitos durante o período de funcionamento. Segundo Fátima, Pazuello garantiu que a União vai arcar com os gastos para a operacionalização, mas que não poderá encaminhar tudo o que foi solicitado.

"Solicitei 40 kits para leitos de UTI e o ministro de pronto colocou que o que o Ministério dispõe de ventiladores e monitores, que serão enviados ao Rio Grande do Norte, mas que as bombas de infusão, infelizmente, não dispõe. O Ministério está buscando adquirir essas bombas e aí faria o envio para o estado", disse Fátima, afirmando que o custeio dos leitos está garantido.

Apesar da abertura de leitos, Fátima Bezerra disse que somente a liberação de espaço para o tratamento não será suficiente para conter a pandemia do novo coronavírus e que, por isso, o Governo vai publicar novo decreto sugerindo que os municípios façam restrições para a circulação de pessoas. A governadora não detalhou como será o documento, que ainda está em discussão junto às equipes do Executivo estadual, mas adiantou que as medidas serão publicadas hoje e que serão "radicais".


"O que posso adiantar é que essas medidas restritivas terão como foco e alvo a restrição de circulação de pessoas e, portanto, evitar aglomerações em ambientes públicos e espaços privados que geram aglomerações. Isso significa a gente radicalizar nas medidas protetivas, mais severas, para que a gente possa, se Deus quiser, conter essa onda, cuidar da saúde e garantir ao povo do Rio Grande do Norte aquilo que é mais sagrado, que é o direito de sobreviver", disse. "Abrir leitos é nosso papel e estamos fazendo, mas isso tem um limite. Está comprovado que as medidas restritivas são imprescindíveis para que a gente possa vencer essas fases críticas no contexto da pandemia. Tem sido assim no mundo inteiro", completou a governadora.
 
 
 
 
#Fonte: Tribuna do Norte
Governo do RN Diz Que Vai Radicalizar e Decretar Mais Restrições à Circulação de Pessoas Governo do RN Diz Que Vai Radicalizar e Decretar Mais Restrições à Circulação de Pessoas Reviewed by Canguaretama De Fato on 26.2.21 Rating: 5

NA CONTRA MÃO!! Após crítica de Bolsonaro, OMS Insiste Sobre uso de Máscara e Isolamento


Diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Gebreyesus, durante entrevista coletiva em Genebra


A Organização Mundial da Saúde (OMS) voltou a defender o uso de máscaras e a adoção de medidas de isolamento social, como forma de frear a pandemia da covid-19. Nesta sexta-feira, a entidade deixou claro que tais medidas funcionam.

Na quinta-feira, enquanto o Brasil registrava um recorde de mortes, com 1.582 casos, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) optou por questionar o uso de máscaras e o isolamento social.

Questionado pela coluna sobre qual seria a posição da OMS sobre o uso de tais medidas, o porta-voz da entidade, Tarik Jašarević, confirmou que máscaras e isolamento "ajudam".

"Temos dito de forma consistente que, por si só, usar máscaras não é suficiente. Precisa ser parte de uma série de medidas tomadas", afirmou. "Distanciamento ajuda, reduz os riscos de ser infectado. Máscaras ajudam, especialmente quando o distanciamento não é possível", declarou.


"Cada um de nós pode reduzir os riscos de exposição. Isso não quer dizer que autoridades não devem colocam em práticas suas ações, o que inclui monitorar a transmissão do vírus e quebrar cadeias de transmissão, por meio de rastreabilidade, isolar e testar pessoas", completou.

Para o escritório da OMS para a Europa, foram as medidas de isolamento e o uso de máscaras que permitiram que o número de novos casos no continente fosse reduzido pela metade entre dezembro e fevereiro.

Citando um suposto estudo feito na Alemanha, Bolsonaro afirmou que as máscaras são "prejudiciais" às crianças, causando irritabilidade, dor de cabeça e dificuldade de concentração.

"Começam a aparecer os efeitos colaterais das máscaras", disse, depois de listar uma série de problemas supostamente causados pelas máscaras. "Eu tenho minha opinião sobre as máscaras, cada um tem a sua, mas a gente aguarda um estudo sobre isso feito por pessoas competentes", afirmou.

O presidente também criticou o isolamento social. "Quem quer auxílio emergencial e a cidade está fechada... Vão cobrar do prefeito, vão cobrar do governador, já que ele quer que você fique em casa eternamente e quer mandar a conta para nós [governo federal] pagarmos. Eu teria o maior prazer de pagar eternamente um salário para todo mundo viver numa boa, sem trabalhar, mas isso não existe", declarou.

Nesta semana, o chanceler Ernesto Araújo também criticou as medidas de confinamento. Num discurso na ONU, ele alertou que "as liberdades fundamentais são hoje ameaçadas por desafios crescentes e a crise da covid-19 apenas contribuiu para exacerbar essas tendências".

"Sociedades inteiras estão se habituando à ideia de que é preciso sacrificar a liberdade em nome da saúde. Não critico as medidas de "lockdown" e semelhantes que tantos países aplicam, mas não se pode aceitar um "lockdown" do espírito humano, o qual depende fundamentalmente da liberdade e dos direitos humanos para exercer-se em sua plenitude", disse.





#Fonte: Uol, Jamil Chade

NA CONTRA MÃO!! Após crítica de Bolsonaro, OMS Insiste Sobre uso de Máscara e Isolamento NA CONTRA MÃO!! Após crítica de Bolsonaro, OMS Insiste Sobre uso de Máscara e Isolamento Reviewed by CanguaretamaDeFato on 26.2.21 Rating: 5

Polícia Militar Garante Distribuição das Vacinas Contra a Covid-19 no RN; VEJA FOTOS

Fotos: PM/ASSECOM – Cb Ricardo

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte continua trabalhando em conjunto com o GoveRNo do Estado em mais uma etapa de distribuição de vacinas contra o novo coronavírus (COVID-19). Na última quarta-feira (24), a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) recebeu 35 mil doses da Astrazeneca/Oxford e distribuiu na manhã desta quinta-feira (25).

Das 35 mil doses, 21.927 foram destinadas aos idosos com idade de 85 a 89 anos. Com essas doses, será possível vacinar 100% dos idosos dessa faixa etária. Já 8.996 são destinadas a trabalhadores da saúde e 2.920 aos indígenas do estado.

As regionais que receberam as doses no RN são: Mossoró, Pau dos Ferros, Caicó, Santa Cruz e João Câmara. A partir das centrais, as vacinas serão distribuídas para os demais municípios do estado. Na Região Metropolitana, além de Natal, também receberam parte dos imunizantes os municípios de Parnamirim, Macaíba, São José de Mipibu, São Gonçalo do Amarante e Extremoz.

O Subcomandante do Comando do Policiamento do Interior (CPI), Tenente Coronel PM Elton, ressaltou que a PM não só está realizando a escolta das vacinas, dando suporte ao Corpo de Bombeiros Militar, como também está realizando a segurança 24h por dia nos locais onde as doses estão armazenadas.

Polícia Militar Garante Distribuição das Vacinas Contra a Covid-19 no RN; VEJA FOTOS Polícia Militar Garante Distribuição das Vacinas Contra a Covid-19 no RN; VEJA FOTOS Reviewed by Canguaretama De Fato on 25.2.21 Rating: 5

'Negligência, Genocida': Políticos Criticam Bolsonaro por 250 mil mortes


Presidente Jair Bolsonaro com caixa de cloroquina do lado de fora do Palácio da AlvoradaImagem: ADRIANO MACHADO


Após o Brasil atingir a marca de 250 mil mortos em decorrência da covid-19, na noite de hoje, políticos criticaram a atuação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao longo da pandemia. "Negligência", "descaso" e "genocida" foram alguns dos termos utilizados para se direcionar ao chefe do Executivo. (Veja repercussão abaixo)

"Provas repetidas da conduta genocida deste irresponsável e incompetente! O exemplo, para o mal e para o bem, vem de cima. Hoje o Brasil atingiu 250 mil mortes por coronavírus... O segundo país em número absoluto de mortes do mundo", escreveu Ciro Gomes, nas redes sociais. Ele foi adversário de Bolsonaro nas eleições em 2018.

"De um lado, 250 mil mortes. Do outro, apenas 2,8% da população vacinada. Não é só uma triste contradição. É a constatação de que, se as coisas continuarem assim, muitas vidas ainda serão perdidas p/ a negligência de um governo que insiste em desprezar a gravidade dessa tragédia", ressaltou ACM Neto, presidente do DEM e ex-prefeito de Salvador.

"Um ano de pandemia no Brasil: 250 mil mortos, milhares de cidades em colapso, vacinação aos tropeços, variantes da covid-19 circulando pelo país. Foi o descaso do governo Bolsonaro, negacionista, irresponsável e incompetente, que nos trouxe até aqui. É imperdoável", afirmou a deputada federal Áurea Carolina (PSOL-MG).

O Brasil atingiu hoje a marca de 250 mil mortes provocadas pela covid-19. Desde as 20h de ontem, o país computou 1.390 novas mortes causadas pela doença, de acordo com boletim extra divulgado nesta tarde pelo consórcio de veículos de imprensa do qual o UOL faz parte, baseado em dados fornecidos pelas secretarias estaduais de saúde. O total de vítimas até as 18h18 é de 250.036.

Segundo a Universidade Johns Hopkins, referência mundial nos estudos sobre a covid-19, o Brasil é o segundo país com mais mortes pela doença no mundo. Estamos apenas atrás dos Estados Unidos, com 503.529 óbitos de acordo com números divulgados pela instituição na tarde de hoje.

O Brasil vive atualmente o seu pior momento na pandemia, com alta contaminação.

Provas repetidas da conduta genocida deste irresponsável e incompetente! O exemplo, para o mal e para o bem, vem de cima. Hoje o Brasil atingiu 250 mil mortes por coronavírus... O segundo país em número absoluto de mortes do MUNDO! #BolsonaroGenocidahttps://t.co/r6qTTRORKs-- Ciro Gomes (@cirogomes) February 24, 2021



De um lado, 250 mil mortes. Do outro, apenas 2,8% da população vacinada. Não é só uma triste contradição. É a constatação de que, se as coisas continuarem assim, muitas vidas ainda serão perdidas p/ a negligência de um governo que insiste em desprezar a gravidade dessa tragédia.-- ACM Neto (@acmneto_) February 24, 2021



Um ano de pandemia no Brasil: 250 mil mortos, milhares de cidades em colapso, vacinação aos tropeços, variantes da covid-19 circulando pelo país.

Foi o descaso do governo Bolsonaro, negacionista, irresponsável e incompetente, que nos trouxe até aqui. É imperdoável.-- Áurea Carolina (@aureacarolinax) February 24, 2021



Mais de 250 mil vidas brasileiras perdidas nesta pandemia. Presto minha solidariedade às famílias e amigos das vítimas.

A vacinação é o caminho mais eficiente para salvar vidas. É precisar evoluir, e muito, na compra de mais vacinas e na logística para distribuição e aplicação.-- João Amoêdo (@joaoamoedonovo) February 24, 2021



250 mil mortos.

250 mil vidas ceifadas pela ausência de um presidente que olhe para sua população.

A "gripezinha" virou Bolsonaro do avesso e nos colocou frente a uma das maiores crises humanitárias já vistas. Sem vacina, sem oxigênio, sem plano nacional, sem presidente.-- Alexandre Padilha (@padilhando) February 24, 2021






#Fonte: Uol
'Negligência, Genocida': Políticos Criticam Bolsonaro por 250 mil mortes 'Negligência, Genocida': Políticos Criticam Bolsonaro por 250 mil mortes Reviewed by CanguaretamaDeFato on 25.2.21 Rating: 5

RN Recebe Nesta Quarta-feira 54.900 Novas Doses de Vacinas Contra a Covid-19

O Rio Grande do Norte vai receber nos próximos dias mais 54.900 doses de vacinas contra a Covid-19. São 35.500 doses da vacina Oxford/AstraZeneca e 19.400 doses da CoronaVac. A Secretaria de Saúde informa que os lotes chegarão nesta quarta-feira

Crédito da foto: AssecomRN Primeiros lotes de vacinas chegaram ao RN ainda em janeiro

Por G1

O Brasil recebeu, na terça-feira (23), 3,2 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19: 2 milhões são de doses da vacina de Oxford/AstraZeneca e 1,2 milhão da CoronaVac.

O Rio Grande do Norte vai receber mais 54.900 doses de vacinas contra a Covid-19. São 35.500 doses da vacina Oxford/AstraZeneca e 19.400 doses da CoronaVac.

Veja, abaixo, a distribuição por estado. As informações constam em documentos obtidos pela reportagem da TV Globo:

Doses de vacina/UF

Estado DOSES OXFORD DOSES CORONAVAC TOTAL
BRASIL 2.000.000 1.200.000 3.200.000
Rondônia 4.000 1.400 5.400
Acre 13.500 8.400 21.900
Amazonas 78.000 42.000 120.000
Roraima 1.500 1.000 2.500
Pará 61.000 37.200 98.200
Amapá 2.000 800 2.800
Tocantins 3.500 2.400 5.900
NORTE 163.500 93.200 256.700
Maranhão 49.500 29.600 79.100
Piauí 25.500 15.400 40.900
Ceará 80.500 49.200 129.700
Rio Grande do Norte35.50019.40054.900
Paraíba 39.500 23.800 63.300
Pernambuco 82.000 48.000 130.000
Alagoas 24.000 13.400 37.400
Sergipe 16.500 9.000 25.500
Bahia 129.500 79.200 208.700
NORDESTE 482.500 287.000 769.500
Minas Gerais 220.000 137.400 357.400
Espírito Santo 38.000 23.000 61.000
Rio de Janeiro 196.000 118.800 314.800
São Paulo 480.500 278.600 759.100
SUDESTE 934.500 557.800 1.492.300
Paraná 102.500 64.800 167.300
Santa Catarina 59.500 48.200 107.700
Rio Grande do Sul 135.000 84.200 219.200
SUL 297.000 197.200 494.200
Mato Grosso do Sul 22.500 13.200 35.700
Mato Grosso 21.000 11.800 32.800
Goiás 53.500 28.800 82.300
Distrito Federal 25.500 11.000 36.500
CENTRO-OESTE 122.500 64.800 187.300

 

Vacinas em falta

As novas doses representam, para alguns estados, o primeiro grande carregamento desde a distribuição inicial de vacinas pelo país. Várias cidades tiveram que suspender ou restringir a vacinação por falta de doses.

RN Recebe Nesta Quarta-feira 54.900 Novas Doses de Vacinas Contra a Covid-19 RN Recebe Nesta Quarta-feira 54.900 Novas Doses de Vacinas Contra a Covid-19 Reviewed by Canguaretama De Fato on 24.2.21 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.